Receita Fit: Pão de queijo sem queijo...

19.12.2016

 

Pão de que ???

 

No artigo anterior eu falei sobre minha saga da biologia até a faculdade de nutrição e, neste, achei interessante começar a dar umas dicas de receitas que eu realizei durante essa transição. Baseada na minha evolução na cozinha + o fato de eu AMAR pão de queijo, escolhi começar com ele. O tão amado pão de queijo é “mineirin” que consiste em uma mistura de polvilho com água ou leite, queijo, ovo, sal e gordura. But...a receita, hoje, será de pão de queijo sem queijo!

 

Oi?? Como assim?? Não tô maluca não, é uma receita de “pão de queijo” adaptada para quem não pode ou não quer comer queijo (celíacos, veganos, alérgicos, etc...). E, quem quiser, pode acrescentar um queijinho minas “de leve”. Fica uma delícia e é super saudável! Recomendo!

 

Se tiver curiosidade em buscar outras receitas, vai perceber que umas utilizam somente o polvilho doce ou o azedo. Também já fiz assim porque nem sempre eu tinha os dois em casa, maaaaas quando utilizei os dois juntos, o pão ficou mais delicinha. Ah sim! Ok, mas qual a diferença entre os dois? Ambos são derivados da mandioca e não contém glúten. Apesar de serem derivados da mandioca, apresentam processos de produção e características diferentes. Brevemente falando, o polvilho doce é obtido a partir da lavagem e descascamento da mandioca que será submetida à fermentação natural em tanque. O polvilho azedo é obtido pela fermentação do polvilho doce até atingir certo teor de acidez. O polvilho doce confere característica elástica e densa na receita (aquele pão de queijo “bão” e borrachudo), além de um sabor mais suave. Já o polvilho azedo dá um gostinho azedinho delícia e tem capacidade de crescer e deixar a massa mais aerada.

 

Amiguinho, se tiver algum problema com o consumo de glúten, ok, caso contrário, se liberte!

E procure sempre um nutricionista!  #ficaadica ;-)  

 

 

Hey Ho, Lets Go à receita!

 

Ingredientes:

- 200 g de batata baroa (também conhecida como mandioquinha)

- 100 g de polvilho azedo

- 100 g de polvilho doce

​- 80 mL de azeite

- 1 colher de chá de sal

- 2 colheres de sopa de chia

- 50 mL de água

 

Preparo:

- Misturar o polvilho azedo, o polvilho doce e o sal;

- Acrescentar o azeite até formar uma farofa;

- Acrescentar a batata baroa e misturar bem (faz bagunça mesmo, mas não desista);

- Acrescentar a chia e a água aos poucos até desgrudar das mãos;

- Formar bolinhas e levar ao forno a 230°C por uns 30 minutos.

- Pode substituir a batata baroa por outro tipo de batata? SIM! Pode substituir o azeite por manteiga? SIM. Pode substituir a água por leite? SIM! Pode substituir a semente de chia por semente de linhaça? SIM! A partir do momento que você sabe o porquê dos ingredientes na receita, as substituições ficam mais fáceis.

Então... pesquise, escolha e brinque. A cozinha é sua!

So, é isso. Espero que gostem e qualquer dúvida, só falar!

 

        

Até a próxima! :-*

 

 

Nath  

 

Artigos relacionados:    

 

Uma revolução alimentar vem ocorrendo mundo afora por Sandra Zatz

- Alimentos contaminados por Fabiana Gil Melgaço

- Universo BEAUTY por Eli BBrandão

 

Outros artigos:

 

- Dia a dia de uma mãe frenética por Andrea Domingues

- Maldivas para aventureiros por Nanda Haensel

 

 

Sou Nathália Motta, filha única, carioca e tenho 31 anos. Sou formada em Ciência Biológicas na Faculdade Souza Marques, cursei mestrado e doutorado na Fiocruz e, atualmente, estou cursando Nutrição na Universidade Veiga de Almeida. Sempre pratiquei algum tipo de esporte ou dança, nunca fui sedentária.

Please reload

 SIGA-NOS AQUI TAMBÉM 
  • Facebook B&W
  • Twitter B&W
  • Instagram B&W
 os mais RECENTes : 

August 6, 2018

August 3, 2018

July 18, 2018

July 11, 2018

Please reload

Please reload

Copyright © 1Olhar 2017

  • Grey Facebook Icon
  • Grey Twitter Icon
  • Grey Instagram Icon

O 1 Olhar é uma plataforma colaborativa com mais de 50 colunistas compartilhando o olhar, a opinião de pessoas normais sobre os acontecimentos que nos cercam.

Quer colaborar? Entre em contato