Rede social, a nova caverna de Platão

Para os que navegam na internet há uma lógica no ato de postar e para os que visualizam e comentam outra. Muitos dos que se entusiasmam em divulgar seus pensamentos críticos acreditam que seus seguidores são preguiçosos ou desinteressados ao discordarem de suas posições.

Na alegoria da caverna de Platão, os prisioneiros são acorrentados na caverna desde seu nascimento. Nela há um palco onde estátuas dos seres como homens, animais e plantas se movem, sendo manipuladas para representar o cotidiano destes seres. Mas as sombras são projetadas nas paredes, sendo a única imagem que os prisioneiros conseguem enxergar.