O espírito da coragem e a sábia tomadora de decisão.

O texto de hoje é sobre tomadas de decisões e o espírito da coragem que estão relacionados à Vesícula Biliar.

A vesícula biliar é uma víscera em forma de saco, localizada abaixo do fígado. Uma das suas funções é armazenar a bile produzida pelo fígado que a mantém pronta para excretar durante a digestão e favorecer o movimento dos intestinos além de absorver os nutrientes e as gorduras.

Assim como o Fígado, descrito no texto anterior, a Vesícula Biliar também se relaciona com o elemento madeira e a estação climática da primavera, pois estes dois órgãos trabalham harmoniosamente integrados.

Segundo a Medicina Chinesa, a Vesícula Biliar, além de estocar a bile, tem grande influência nas nossas emoções. É responsável pelas tomadas de decisões, iniciativa e pelo espírito da coragem. É chamada pelos chineses de “Sábia Tomadora de Decisão”. Saber quando armazenar e quando liberar a bile é uma das decisões mais importantes governadas por esta víscera.

Quando a Vesícula Biliar está com o seu fluxo de energia (Qi) equilibrado, sabemos agir com coragem e com confiança e certos da decisão tomada. Sabemos esperar pacientemente e quando recuar de forma graciosa. Os desafios são abordados com flexibilidade, perseverança e persuasão pois sabemos do nosso potencial para atingir os objetivos.

Quando o fluxo de energia (Qi) se estagna provocando lentidão no funcionamento da Vesícula ficamos indecisos, lentos no agir e no pensar, sem iniciativa e sem planejamento. No excesso, tomamos decisões precipitadas e impulsivas e ficamos inflexíveis. Não aceitamos conselhos dos outros porque nos consideramos autossuficientes. Agindo assim o fardo pesa e cresce até que a estrutura das coisas envergue e quebre como a madeira, elemento na qual a víscera pertence. Seguir adiante com teimosia e de maneira precipitada em determinados momentos só gera frustração e ansiedade.

Para algumas pessoas a ansiedade e a impulsividade são tão intensas que quando estão com alguma patologia e procuram um especialista, se recusam a tomar qualquer medicamento ou fazer repouso pois são rudes consigo mesma e não aceitam as recomendações prescritas porque querem que tudo se resolva o mais rápido possível e do seu jeito.

Além disso, a frustração e a impulsividade quando são crônicas alteram o fluxo de energia (Qi) da víscera e podem formar os cálculos biliares. É como se estes sentimentos e emoções se petrificassem e, como resultado, as famosas e temidas pedras.

Quem passa por processo cirúrgico de retirada da Vesícula Biliar, ao longo da vida, ficará mais letárgico, depressivo, passivo, intolerante, indeciso, medroso e qualquer adversidade, por mais simples que seja, se tornará um dramalhão. Os sentimentos de depressão e de desesperança vão se apoderando do corpo, da mente, das emoções e do espírito e sem assistência e orientação adequada as causas do sofrimento se intensificarão.

As terapias alternativas como acupuntura, florais, fitoterapia, alimentação apropriada e mudança no estilo de vida é possível equilibrar as funções da Vesícula e em determinados casos de cálculos biliares é possível evitar a cirurgia.

Algumas dicas para manter a Vesícula saudável e, consequentemente,

as emoções a ela relacionadas:

- Evite o consumo excessivo de álcool, refrigerante, café, chocolate, embutidos, enlatados e principalmente alimentos muito gordurosos e os derivados de leite, pois sobrecarregam a digestão e com isso a Vesícula tem que trabalhar mais para liberar mais bile e queimar as moléculas de gordura. De vez em quando não faz mal a ninguém comer pizza e tomar