O samba não vai morrer

17.06.2017

Estamos em junho, período de Festas Juninas, mas o assunto mais falado essa semana no Rio é Carnaval. Isso graças ao Prefeito Marcelo Crivella, que anunciou de forma desastrada o corte em 50% da verba que a prefeitura destina a cada Escola de Samba. Religião, Ajuste Fiscal, preferência pessoal,... não conheço as reais motivações que o levaram a tomar esta decisão, provavelmente um misto disso tudo.

 

Se eu estivesse no lugar do Crivella provavelmente teria motivação e forma diferentes para

chegar ao mesmo resultado. Adoro Carnaval, Samba e a Cultura Brasileira. Tenho também

ciência da importância do Carnaval para a economia e imagem do Rio. Mas o Carnaval cresceu muito nas últimas décadas, virando um grande negócio. Direito de transmissão para a TV, grandes patrocínios,... E a cada ano mais luxo e tecnologia na avenida. Um negócio deve ser tratado como negócio. O estado tem sim seu papel, garantindo infraestrutura e segurança para esses grandes eventos. Ponto.

 

Não discordo dos que defendem que o Carnaval gera mais receita para a cidade do Rio que o investimento que a prefeitura faz. Mas entendo que com a verba originária da iniciativa privada já existente e uma contenção de gastos, nossas Escolas consigam fazer um espetáculo tão bonito, voltando às suas origens, e atraindo tanto ou mais turistas e expectadores.

 

Minha crítica ao Crivella neste episódio foi com relação à forma. Primeiro, foi muito infeliz na comunicação. Deveria antes ter se reunido com as Escolas e a Liesa. Segundo, poderia ter feito um planejamento junto aos mesmos para chegar num valor e modelo viável para todos com o objetivo final a longo prazo de chegar a uma contribuição zero da prefeitura em tantos anos.

 

Mas não podemos esquecer que o Governo do Estado está falido. Servidores não recebem seus salários em dia há meses. A Prefeitura irá no mesmo caminho se não agir a tempo. Situações drásticas requerem medidas drásticas. As Escolas sabem inovar e se adaptar, esse é a grande marca do Carnaval Carioca. E o momento requer isso. Já vimos Escolas terem seu barracão completamente destruído pelo fogo às vesperas do desfile. E lá estava ela, pronta para desfilar no grande dia. Ganhou? Não. Mas levou à avenida o que o Carnaval tem de mais belo.

 

Não sou contra ajudas pontuais e extraordinárias do estado com o objetivo de incentivar o

Turismo ou outros setores da economia, se o retorno para a sociedade for positivo. Mas isso tem que ter prazo para acabar. O Carnaval de rua é um bom exemplo. Ele ficou por anos esquecido e voltou a ter força graças ao incentivo da Prefeitura. Mas hoje não depende mais do dinheiro público para sobreviver.

 

Ninguém quer o fim do Carnaval, acho que nem mesmo o Crivella, mas quanto queremos

gastar com isso? Não esqueçam, o dinheiro do estado sai do meu, do seu, do nosso bolso.

 

Que a festa continue, mas que ela se pague.

 

 

 

 

 

LEIA MAIS

Outros Artigos: 

-  Gestão (?) pública por Paulo Gustavo Ganime

-  Estatais: Elefantes Sedentários? por Paulo Buchsbaum

 O fantasma de Augusto Comte ainda assombra o Brasil por Bruno Rosi

-  Governos não sabem gerir mudanças por Paulo Gustavo Ganime

 Manifesto para acabar com a sacanagem no Brasil!!! por André Ferraz

 

Paulo Gustavo Ganime

Morei 5 anos fora do Brasil, mesmo longe sempre estive muito ligado ao Brasil. Muitas vezes sentia vontade de conversar com alguém e expressar minha opinião sobre as notícias e acontecimentos, mas não tinha para quem. Comecei então a escrever minha opinião no Facebook. Conforme os fatos iam ganhando importância, meu envolvimento ia aumentando e meus textos crescendo. Muitas pessoas começaram então a me dizer que eu deveria escrever num blog. Não sou especialista em Economia, Política, Direito, … , em nenhum assunto que escreverei aqui. Tudo será apenas o meu olhar sobre o tema. Gosto de debater e aprender, entao, por favor, discordem de mim e tragam visões e informações diferentes.

 

Se quiserem saber mais sobre mim:

facebook.com/paulogganime

linkedin.com/in/paulo-gustavo-ganime

Please reload

 SIGA-NOS AQUI TAMBÉM 
  • Facebook B&W
  • Twitter B&W
  • Instagram B&W
 os mais RECENTes : 

August 6, 2018

August 3, 2018

July 18, 2018

July 11, 2018

Please reload

Please reload

Copyright © 1Olhar 2017

  • Grey Facebook Icon
  • Grey Twitter Icon
  • Grey Instagram Icon

O 1 Olhar é uma plataforma colaborativa com mais de 50 colunistas compartilhando o olhar, a opinião de pessoas normais sobre os acontecimentos que nos cercam.

Quer colaborar? Entre em contato