Resenha do livro CRER OU NÃO CRER – PE. FABIO DE MELO E LEANDRO KARNAL

21.04.2018

“Crer ou Não Crer” é uma conversa muito inteligente com questões polêmicas, sobre ser crente ou não. As questões que guiaram o encontro entre o padre Fábio de Melo e o historiador Leandro Karnal fizeram desse livro algo bastante enriquecedor e que nos leva a refletir sobre os caminhos da humanidade.


Interessante observar como durante a leitura ambos nos mostram, de maneira sutil e ao mesmo tempo bastante clara, o que os levou para as escolhas que fizeram, relatando fatos de suas vidas como família, infância e adolescência, sem parecer que é uma biografia (algo que realmente não gosto de ler).


A meu ver o ponto alto do livro é a coragem que ambos têm para provocar um ao outro sem perder o bom humor e o respeito, sempre com humildade para aceitar os argumentos da existência ou não de Deus.


É um debate rico e cortês onde cada um defende a sua crença (ou não crença), com ambos os autores se conduzindo de maneira clara mesmo que em certos momentos pouco objetiva (principalmente o Karnal que muitas vezes fica a tergiversar). E tudo feito com coragem e sem agressividade. Gostei de como a conversa dos dois às vezes acontecia com um humor sadio sem que nenhum deles tentasse nos fazer mudar de ideia quanto a nossa fé ou a falta dela.


Em alguns momentos questionaram o quanto a fé faz falta (isso mesmo, o ateu acha que a FÉ faz falta, mesmo que não seja num Deus...) e discutiram as esperanças, os medos e a morte na vida de quem crê e de quem não crê (aqui o Karnal fala na morte de seu pai de uma maneira cética, mas que me emocionou... talvez por eu ser católica e acreditar numa vida eterna e ele não, não sei...). Tudo nesse livro acontece sob a ótica particular dos autores, de uma maneira muito legal onde um provoca o outro sem, contudo, querer interferir e/ou modificar seus pontos de vista. Em outros momentos falam da arte, da religião, citam a vida dos santos, enfim, os assuntos são variados, mas sempre o padre com a sua fé e o filósofo com seu olhar de historiador, que algumas vezes mais convergem do que divergem.


Acho que ambos os autores souberam, com extrema habilidade e naturalidade, expressar suas opiniões com bastante clareza principalmente sem querer interferir na opinião um do outro como já falei anteriormente e volto a enfatizar. Seus pontos de vista, apesar de tão distintos, são muito iguais ao aceitarem a importância de como é preciso resgatar a confiança no ser humano e que a destruição ocasionada pela falta de amor e/ou pelo ódio acontece com a fé em Deus ou sem ela, é uma questão de escolha de cada um de nós. Também deixam bem claro a concordância de que para conseguirmos melhorar o mundo em que vivemos é necessário caráter, honestidade e sinceridade em nossas escolhas e ações diárias, independente de se acreditar ou não na existência de Deus. O que é preciso é nos aperfeiçoarmos cada vez mais enquanto humanos...


Enfim, gostei muito do livro Crer ou Não Crer, em alguns momentos é uma leitura fácil e em outros é mais complexa, exige um pouco mais de reflexão de nossa parte já que oferece uma referência importante aos crentes e aos céticos por conter questionamentos que nos levam a um pensamento mais crítico sobre o caminho da humanidade.


O final é fascinante e retrata bem a cordialidade, o carinho, o respeito que cada um tem pelo outro, sem nunca perder a sutileza do bom humor de ambos: ”Padre Fabio: Nunca é muito repetir meu carinho: a quem não tem Deus, que tenha, pelo menos, Aristóteles.   Karnal: Amém!” (página 168).

 

 

 

LEIA MAIS    

Outros livros recomendados:

 

-  Análise do livro NINFEIAS NEGRAS de Michel Bussi por Maria Claudia

-  Crítica do livro Um Mais Um de Jojo Moyes por Maria Claudia

-  Os Cães nunca deixam de amar de Teresa J. Rhyne recomendado por Maria Claudia

-  O Tempo entre Costuras de María Dueñas  recomendado por Maria Claudia

-  Destino La Templanza de María Dueñas recomendado por Maria Claudia

-  A Maleta da Sra. Sinclair de Louise Walters  recomendado por Maria Claudia

-  A Lógica do Cisne Negro de Nassim Nicholas Taleb recomendado por Paulo Gustavo Ganime

- A livraria dos finais felizes de Katarina Bivald recomendado por Maria Claudia

- O Amante Japonês de Isabel Allende recomendado por Maria Claudia

 

Maria Cláudia de Macedo Miranda Marandino

 

Resendense de nascimento e carioca desde os meus três anos, sou professora (aposentada) especializada em alfabetização e pré-escolar. Amo ler pelo simples prazer de ler! Não sou especialista em literatura mas vou colaborar no 1 olhar com o resumo que faço de cada um dos muitos livros que leio na esperança de despertar o leitor que sei que vive dentro de cada um de nós: todos somos leitores, basta que o livro certo nos encontre!

Please reload

 SIGA-NOS AQUI TAMBÉM 
  • Facebook B&W
  • Twitter B&W
  • Instagram B&W
 os mais RECENTes : 

August 6, 2018

August 3, 2018

July 18, 2018

July 11, 2018

Please reload

Please reload

Copyright © 1Olhar 2017

  • Grey Facebook Icon
  • Grey Twitter Icon
  • Grey Instagram Icon

O 1 Olhar é uma plataforma colaborativa com mais de 50 colunistas compartilhando o olhar, a opinião de pessoas normais sobre os acontecimentos que nos cercam.

Quer colaborar? Entre em contato